O animador e moderador Rodrigo Faro fez teste positivo para Coronavirus nesta sexta-feira (2/7). O moderador retirou as crónicas de “A Hora do Faro”, da organização Record, e foi hospitalizado.

Mesmo assim, o Record não era o único canal congelado pelas notícias. Faro visitou o SBT nesta quarta-feira (30/6) para ação de promoção com Eliana. Pelo que apurou a TV News, o moderador não passou por exame no ambulatório da emissora Silvio Santos, o que não é de surpreender, trazendo o efeito colateral adverso de uma prova realizada por ele na mesma época.

Após a apuração positiva desta sexta-feira, tanto o moderador quanto os mais de 30 representantes de criação do programa de Eliana foram dispensados ​​do trabalho. Eles passarão por avaliações adicionais.

O SBT exige que todos os convidados passem por uma triagem no centro antes de entrar em seus escritórios. Faro era o mesmo. Seja como for, de acordo com a reportagem do Notícias da TV, o moderador da Record indeferiu o teste e mostrou um teste feito fora da estação, que foi negativo para a Covid.

Como esta norma foi executada no SBT, Faro foi quem em particular obteve a isenção. Ele passou algumas horas na estação gravando e tirando fotos para alguns representantes, que aproveitaram o evento para passar um tempo com ele sem véus.

Na quinta-feira (1/7), o moderador detalhou que não estava se sentindo bem quando apareceu na Record para gravar seu programa. Apesar da febre, ele cumpriu todo o plano de realizar o trabalho. Submetido a avaliação por causa de indícios, teve a contaminação afirmada nesta sexta-feira. Na verdade, o registo precisava de eliminar 40 representantes devido à ausência de destacamento em Faro.

Em explicação, a Record revelou que “Rodrigo Faro fez seletiva antes de qualquer conta. No dia [quarta-feira], ele havia tentado antes de ir para o SBT”. A emissora destacou que o resultado do teste havia sido reconhecido pela organização de Silvio Santos antes de ele começar a gravar.

Em seu Instagram, Faro postou uma foto dele deitado na cama de uma clínica, acompanhada do subtítulo “Vai ficar tudo bem…” e um emoticon de súplica.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here